Terça-feira, 6 de Maio de 2008
Liberdade

Foste tu a mais bela,
A mais forte,
A mais poderosa poesia de amor.

Diante da felicidade,
Prisioneiro da paixão,
Tornei-me anjo ao teu dispor.

Iludida pela tentação,
Tu ignoras-te a minha dor,
Arrancando de mim,
Versos do mais puro amor.

Liberto, posso agora voar,
Pois não mais reluz em meu peito,
Aquela flecha que me cravas-te ao luar.

Estou livre para sonhar,
Graças a um anjo de além mar,
Que veio  para me libertar.



publicado por Fugitivo às 23:13
link do post | favorito

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



Estou vivo
posts recentes

...

Preciso amar e ser amado

A Sombra

Olhos nos olhos

Ilusão

arquivos

Setembro 2013

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Setembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
24
25
26
27
28

29
30


subscrever feeds